Como o ambiente influencia nas vendas do varejo

vendas do varejo

Produto, marca, marketing, fornecedores, treinamentos. Você deve pensar em tudo isso quando está gerindo a sua empresa, certo? Mas será que pensa, também, na ambientação da sua loja? Esse é um assunto que deveria receber tanta atenção quanto qualquer outro, e o motivo é muito simples: a ambientação pode influenciar diretamente o comportamento do seu consumidor, estimulando ou inibindo as compras.

Acontece que muitos ainda acreditam que esse é apenas um detalhe, como a boa e velha “cereja do bolo”. É preciso desmistificar o assunto, afinal, a concorrência está cada vez maior, não importando qual seja o segmento de mercado explorado por você, e certamente está trabalhando com algum arquiteto e vitrinista no momento. Para saber um pouco mais sobre a influência da ambientação nas vendas do varejo, continue lendo!

 

A experiência marca

Em primeiro lugar, é importante sempre reforçar que a sua empresa deve trabalhar constantemente o seu branding, ou seja, a construção da sua marca. Nesse quesito, cada detalhe faz toda a diferença, do atendimento ao marketing. É claro que a ambientação não fica de fora, muito pelo contrário: ao entrar na sua loja, o seu cliente terá as primeiras impressões sobre o seu estabelecimento, podendo ser negativas ou positivas.

Por isso, é fundamental que você invista na ambientação como uma forma de criar uma experiência memorável para o seu cliente. Assim, ele sentirá mais à vontade para fazer compras, e certamente se lembrará do momento em que passou na sua loja no futuro.

 

 

Um comportamento previsível

Outro motivo para que você invista na ambientação é o fato de que o comportamento de um público-alvo normalmente é previsível. Ao entrar em uma loja, ele já sabe, mesmo que inconscientemente, onde encontrar os itens que procura, e reconhece automaticamente a organização de exposição elaborada por você. Em uma loja de roupas, por exemplo, ele sabe que vai encontrar itens como cuecas, cintos, entre outros.

Esses pontos estratégicos são chamados de hot spots. O ideal é que você crie um ambiente intuitivo, para que o cliente rapidamente se localize e consiga fazer suas compras sem precisar recorrer muito aos vendedores. Afinal, é preciso que nenhum item fuja a percepção do consumidor!

 

O convite para entrar

Por fim, é sempre importante lembrar: você não está sozinho no mercado! É preciso que você crie os estímulos necessários para que o cliente entre na sua empresa, e não no concorrente. Embora existam, sim, outros fatores que influenciam a tomada de decisão do consumidor — como os preços e o próprio marketing — a porta de entrada do seu estabelecimento é o real convite para os transeuntes não habituais, que podem passar por curiosidade e virarem fregueses.

Por isso, é fundamental que você invista tudo o que for possível para atrair todos os possíveis interessados, conseguindo, aos poucos, fazer o seu negócio decolar! Envie o convite com uma boa fachada, uma ótima ambientação e, acima de tudo, um clima perfeito para quem quer fazer compras!

E você, já investiu na ambientação da sua loja? Qual foi o retorno? Conte para nós nos comentários!

 

Solicite uma demonstração

Conheça o Hiper, um sistema para gestão, vendas e controle de estoque que facilitará o dia a dia do seu negócio. Preencha os seus dados no formulário abaixo e solicite uma demonstração grátis.

Sistema para gestão de lojas