Loja física ou virtual: Por onde começar a empreender?

Definir por onde começar a empreender no varejo nem sempre é uma tarefa fácil. Com o crescimento exponencial do mercado digital e a nova forma de consumir dos clientes pode gerar incertezas na hora de optar por ter uma loja física ou digital.

Se você está pensando em começar a empreender no varejo, já deve ter se perguntado qual é a melhor opção, iniciar com uma loja física ou uma loja virtual? Essa pergunta se tornou ainda mais frequente com o crescimento do e-commerce no último ano.

Conforme afirma a 42ª edição do Webshoppers, pesquisa realizada semestralmente pela Ebit | Nielsen, o comércio eletrônico no Brasil registrou um crescimento de 47% no primeiro semestre do ano passado, sendo a maior alta em 20 anos. A mesma pesquisa aponta que o varejo moderno offline também teve crescimento, cerca de 13% em relação ao mesmo período de 2020.

Dessa forma, conseguimos entender que apesar do desenvolvimento exponencial dos meios digitais e do modelo de compra online, existe oportunidade de crescimento para ambos os formatos de negócio. Por isso, hoje vamos te ajudar a entender qual modelo faz mais sentido para o seu negócio. Vamos lá?

Loja Física

Entender que o conceito de loja física vem mudando e se modernizando a cada ano é indispensável para validar se essa forma de negócio é a ideal para você começar a empreender. 

Já foi o tempo onde uma loja física se limitava apenas a atender os clientes que chegavam até a loja. Hoje para se ter um negócio com potencial de sucesso é preciso entender que não há mais barreiras entre o físico e o digital. Ou seja, mesmo que você tenha uma loja física, terá sim que ter presença digital da sua marca. Seja através de gestão de relacionamento com os clientes pelo WhatsApp ou então uma presença sólida nas redes sociais.

Loja Física

Ao optar por ter uma loja física, você deve mapear qual formato e canal de venda off-line faz mais sentido para a sua marca, as mais comuns são:

  • Loja física de varejo: loja que fica no ambiente externo, voltado para venda ao consumidor final;
  • Loja de shopping: possui a mesma finalidade da primeira, porém está localizada dentro de um shopping, próximo a outras lojas maiores que podem atrair clientes;
  • Pop up store: lojas temporárias, mais comuns em eventos ou sazonalidades;

Além disso, entender os 4 Ps do marketing também pode te ajudar a ter uma visão mais estratégica e potencializar a chance de sucesso ao abrir um negócio. São eles:

  • Preço: Estude o preço dos produtos no mercado, o ideal é encontrar o equilíbrio entre o valor real da sua mercadoria, seu valor agregado e seu potencial de lucratividade;
  • Praça: Ao começar a empreender com uma loja física, você deve levar em consideração qual será a localização da loja. Avalie os concorrentes, e entenda porque eles possuem uma loja em determinada localização da cidade. Valide quais são os pontos mais atrativos para os seus clientes;
  • Produto: Faça um balanço dos pontos positivos e negativos do seu produto. Nesta etapa é muito importante se colocar no lugar do cliente.  Valide o que você não gosta no produto dos concorrentes e o que faria você escolher o seu produto no lugar de outro. Isso irá te ajudar a ter uma definição mais precisa de produto ideal e também quais produtos terão um potencial maior de venda;
  • Promoção: Esta etapa engloba todas as ações que de alguma maneira irão divulgar sua loja, e claro gerar vendas para a sua loja física.

Loja Virtual

Loja VirtualÉ nítido que a partir de 2020 com o início da pandemia do novo coronavírus o comércio eletrônico deu um salto de crescimento, muito alinhado à nova forma de consumir dos clientes. E de fato essa forma digitalizada de consumir e comprar produtos veio para ficar. 

Segundo a 42ª pesquisa Webshoppers, de 5 a 28 de abril, durante o auge do isolamento social no Brasil se deu o pico de compras online. Porém desde então essa nova forma de consumir vem se naturalizando. Se antes já era um hábito comum pesquisar na internet antes de comprar, agora esse comportamento se torna ainda mais assíduo e presente.

A partir desse novo comportamento há um surgimento muito grande na oportunidade de vendas e novas lojas através do comércio eletrônico. Afinal, há mais consumidores online e dispostos a comprar.

Uma das principais vantagens de iniciar um negócio online, é a abrangência que sua loja alcança, afinal não há limitações físicas, dessa forma clientes de todo o Brasil, e até do mundo, podem encontrar a sua loja online e realizar uma compra. Essa comodidade é muito bem vista pelos consumidores, que estão cada vez mais em busca de conforto e praticidade.

Porém, apesar do cenário de crescimento, é preciso planejamento e cautela. Não basta criar um site e adicionar todos os produtos e esperar que as vendas surjam como um passe de mágica. Assim como na loja física, um negócio online exige que sejam planejadas muitas etapas, desde pensar como será o seu posicionamento digital e como comunicar aos clientes que você é uma nova opção para o cliente. Até entender da logística, fornecedores, formas de entrega e infraestrutura do seu e-commerce.

A facilidade de acesso do mundo online pode ser uma vantagem, pois lhe dá a oportunidade de ter acesso a clientes que jamais teria com uma loja física. Porém também possui seu lado ruim, pois ao mesmo tempo você está concorrendo de igual para igual com marcas famosas. Por isso pense bem na sua estratégia e nicho de marca.

Mas afinal, qual modelo escolher?

É possível dizer que não existe modelo certo ou errado de começar a empreender. Pois isso, é indispensável que você entenda qual modelo atende melhor o seu nicho de mercado e o seu negócio. Pois há chance de crescimento em ambos os formatos, seja na loja física ou virtual.

Gostou das nossas dicas? Comenta aqui embaixo se ficou com alguma dúvida! Além disso, acompanhe nosso blog e confira dicas sobre gestão de loja, varejo digital, estoque e muito mais!

Experimente grátis!

Conheça um sistema para gestão e vendas que facilitará o dia a dia do seu negócio. Preencha os seus dados no formulário abaixo e solicite um teste grátis.

Ops! A Hiper não atende o segmento selecionado. Mas não se preocupe, o grupo Linx tem soluções para seu segmento de negócio.Clique aqui e confira!
Carta