Fotografia de um homem sorrindo com um celular na mão

Multilojas: Como ser Eficiente na Gestão de uma Rede de Lojas Pequenas

Seja para alcançar um novo mercado, para dar conta da demanda ou para atender outro público, abrir novas lojas pode ser uma ótima estratégia para o seu negócio. Trabalhar com filiais ou com uma rede de lojas, não é exclusividade de grandes corporações. Veja como aplicar no seu negócio!

Seja para alcançar um novo mercado, para dar conta da demanda ou para atender outro público, abrir novas lojas pode ser uma ótima estratégia para o seu negócio. Trabalhar com filiais ou com uma rede de lojas, não é exclusividade de grandes corporações. Empresa menores também podem se apoiar nesta tática para ampliar mercado. Está pensando em investir em novas lojas ou já investe e está com dúvidas de gestão? Esse conteúdo é para você!

Em uma administração multilojas, é preciso estar atento em dobro a questões de logística, controle de custos, qualidade no atendimento, tributações, entre outras áreas. Para garantir o seu espaço, é preciso estar atento às melhores formas de administração. A tecnologia, por exemplo, pode ser um diferencial e tanto, pois promove mais produtividade e ampla visão do andamento das atividades.

 

Checklist: O que uma Gestão de Rede de Lojas Pequenas Precisa

Antes de saber como gerir várias lojas de maneira eficiente, é preciso entender o que isso significa. Confira, a seguir, as características que uma boa administração apresenta e que resultam em sucesso no mundo dos negócios.

 

Eliminação de retrabalho

Quanto mais integrados forem os sistemas de todas as lojas administradas, melhor. O ideal é que as ferramentas ajudem a reduzir o retrabalho no cadastramento e o controle de informações referentes a produtos, serviços, clientes e estoque. As ferramentas precisam oferecer uma visão panorâmica dos negócios, para que o administrador consiga entender o andamento das operações. Ao incluir dados referentes a todas as lojas, é ideal que o processamento das informações seja integrado. Desta forma, por exemplo, é possível saber exatamente as mercadorias disponíveis em cada unidade com poucos cliques.

 

Acompanhamento de vendas

É ideal que, a partir de um único ponto, o gestor possa visualizar a evolução das vendas de todas as lojas. Com isso, ele consegue acompanhar e tomar decisões de acordo com as características de cada unidade. Ganhar tempo e antecipar-se quanto aos problemas são ações que podem garantir melhorias da produtividade e elevação das vendas, trazendo maior lucratividade e otimização no desempenho.

 

Controle global do estoque

Imagine que o cliente busque por um produto na Loja A e o item não está disponível no estoque. Com um controle integrado de estoque, a equipe de venda consegue ver rapidamente se o item está disponível em outra unidade. A partir dessa informação, você pode fazer a transferência ou indicar o local para o cliente. Esse é um dos principais benefícios de gerenciar uma operação multiloja.

Se o sistema não é integrado, os vendedores precisam fazer ligações telefônicas ou trocas de mensagens. Com isso, o atendimento tende a ficar longo e  é muito mais fácil perder o cliente, pois ele pode não aceitar esperar ou, até mesmo, o próprio vendedor pode desanimar durante o atendimento e não finalizar a venda.

 

Visão fiscal panorâmica

Quando a rede de lojas está em municípios ou estados diferentes, os indicadores de tributos e outras obrigações fiscais se tornam mais complexos, uma vez que alguns deles são diferentes. Um sistema multiloja de gestão integrado pode consolidar essas informações, permitindo que o gestor consiga ter uma administração fiscal mais rápida e eficiente.

 

Confiabilidade dos dados

Ao centralizar as informações de toda a rede de lojas num único sistema, é possível fazer o processamento das informações e acompanhar resultados em tempo real. Ou seja, mais confiabilidade e poder de decisão para o gestor. Do contrário, utilizando planilhas que precisam ser atualizadas com regularidade, perde-se tempo e há o risco de não se ter uma visão real do andamento do negócio.

 

Banner para download gratuito do e-book "Guia Prático para uma Liderança de alta performance"

 

Como fazer uma gestão de filiais eficiente?

Você já entendeu as características que uma boa gestão de filiais precisa ter. Mas como colocar isso em prática? A seguir, listamos os passos necessários para administrar as lojas com eficiência.

 

Padronize os processos internos

O primeiro passo para gerir várias lojas com qualidade é mapear e definir os processos internos. Ambientes organizados possibilitam a criação de uma unificação que tornará a gestão mais descomplicada e assertiva. Para fazer isso, identifique todos os processos da empresa e as pessoas responsáveis por cada um deles. Em seguida, elabore instruções precisas e de fácil compreensão sobre como a empresa deve funcionar em seus diferentes setores.

 

Tenha uma comunicação efetiva

Uma boa comunicação é fundamental para conseguir a unificação necessária para gerenciar as lojas com eficiência. Todos os funcionários, independentemente de onde estiverem, precisam conhecer os valores da empresa e os resultados que se deseja alcançar. Além disso, também é preciso fazer com que todos compreendam os processos internos.

Não deixe de levar em conta as particularidades locais que cada filial pode ter, a depender da região na qual se encontra. Verifique se existem ajustes que podem ser feitos para garantir que as pessoas se sintam parte do todo, mas não percam sua individualidade. Outro ponto importante é facilitar a comunicação das filiais com a matriz sempre que necessário.

 

Visite as filiais com frequência

Para ter certeza de que as informações passadas foram compreendidas e estão sendo aplicadas adequadamente, é preciso acompanhar cada unidade da empresa de perto. Aproveite as visitas para ouvir os gestores e funcionários e entender suas dificuldades locais.

Conhecer a realidade de cada loja permite não apenas ter certeza de que instruções estão sendo seguidas e fazer reajustes, caso seja necessário, mas também é uma excelente oportunidade para identificar possibilidades de inovação que possam ser replicadas em todas as lojas.

 

Utilize um sistema de gestão eficiente

Gerir uma empresa multilojas implica acompanhar inúmeros aspectos que podem variar de unidade para unidade: estoque, emissões de notas e outros processos fiscais, impostos, contas a receber e a pagar, gerenciamento das vendas, entre outros.

Para ter uma visão clara de todo o negócio e poder tomar decisões com maior possibilidade de sucesso, um sistema de gestão é imprescindível. Com um único software, é possível ter acesso a todas as informações de maneira clara e por meio de um fácil manuseio.

 

Analise os dados de forma ampla

Na hora de tomar decisões em relação ao negócio, é preciso analisar os dados operacionais de cada filial especificamente. Não cometa o erro de acreditar que uma solução que dá certo para uma filial, com certeza, dará certo para outra. É preciso analisar cada caso.

Como falamos acima, utilizar um software de gestão ajudará muito nesse processo. Apenas analisando cada loja da rede, será possível identificar situações específicas. Cada caso, exige ações locais e padrões mais extensos, que podem exigir uma decisão geral para mais lojas.

Sabendo dos desafios que a gestão de uma rede de lojas exige do empresário, você não pode deixar de seguir essas dicas para ter uma administração eficiente e garantir seu espaço diante da concorrência. Que saber mais detalhes sobre a área? Deixe sua sugestão nos comentários!

Experimente grátis!

Conheça um sistema para gestão e vendas que facilitará o dia a dia do seu negócio. Preencha os seus dados no formulário abaixo e solicite um teste grátis.

Ops! A Hiper não atende o segmento selecionado. Mas não se preocupe, o grupo Linx tem soluções para seu segmento de negócio.Clique aqui e confira!
Carta