Fotografia de um homem sorrindo para câmera, ele usa um boné, avental e segura um ramo de verduras na mão.

5 passos para Montar uma Loja Agropecuária

Descubra quais os documentos necessários, o investimento médio, detalhes da estrutura, os principais produtos para vender e como divulgar a sua loja. Neste artigo, nós te passamos os 5 passos para abrir a sua loja agropecuária e iniciar os trabalhos no setor!

Um bom planejamento faz parte do início de todo negócio que almeja o sucesso. Se você quer começar a empreender e tem interesse em montar uma agropecuária, esse conteúdo pode te ajudar!

Separamos o conteúdo em 5 passos com tudo o que você precisa saber, dos documentos iniciais para abertura de uma loja, como organizar a estrutura, o investimento inicial, quais produtos você pode comercializar e como trabalhar na divulgação da sua loja de produtos agropecuários. Nosso objetivo é contribuir para a criação de um plano de negócios eficiente e ajudar a tirar o seu sonho do papel. Vamos lá?

5 passos para Montar uma Loja Agropecuária:

  1. Documentos
  2. Estrutura
  3. Investimento
  4. O que vender
  5. Divulgação

Documentos necessários para a abertura da Loja

Você poderá começar o seu negócio de forma individual ou com sócios, avalie qual a condição faz mais sentido para a sua forma de gestão e seu investimento. Outro ponto de atenção é o auxílio de um contador desde o início do processo, principalmente para a parte burocrática de abertura de loja e fornecimento de documentos. Ele também pode auxiliar nos documentos específicos exigidos da sua cidade ou estado.

De forma geral, os documentos necessários para abrir uma agropecuária são:

  • Registro Empresarial na Junta Comercial Os documentos necessários para abrir agropecuária
  • Obtenção do CNPJ na Secretaria da Receita Federal
  • Secretaria Estadual de Fazenda
  • Registro na prefeitura municipal, para obter o alvará de funcionamento
  • Enquadramento na Entidade Sindical Patronal
  • Cadastramento junto à Caixa Econômica Federal no sistema “Conectividade Social – INSS/FGTS”
  • Registro no Corpo de Bombeiros Militar: órgão que verifica se a empresa atende as exigências mínimas de segurança e de proteção contra incêndio, para que seja concedido o “Habite-se” pela prefeitura
  • Alvará de licença da Vigilância Sanitária

Segundo informações do SEBRAE, para a instalação do negócio também é necessário realizar consulta prévia de endereço na Prefeitura Municipal/Administração Regional, sobre a Lei de Zoneamento. Também é necessário observar as regras de proteção ao consumidor, estabelecidas pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Para saber mais:

 

Estrutura de uma Agropecuária

Onde escolher o ponto de abertura da agropecuária e como definir o leiaute do interior são dúvidas frequentes dos empreendedores da área. Vamos por partes, primeiro a escolha do ponto. Definir o local de abertura da sua loja pode ser crucial para o bom desempenho das vendas e divulgação do negócio. Independente de escolher um ponto no centro da cidade ou em um bairro afastado, você deve levar em conta:

  • Amplo espaço de estacionamento (vai facilitar no acesso e no transporte dos materiais)
  • Espaço para estoque ventilado e organizado, com mais ou menos 2/3 do espaço do prédio
  • Um local que facilite a visualização da loja para quem passa pela rua
  • Valor de aquisição ou aluguel do imóvel + taxas
  • Uma loja de produtos agropecuários não deve ter uma área menor que 50 m², caso trabalhe com peças e maquinários maiores, o tamanho sugerido é de 100 m²

 

Interior da Loja

Após definir o ponto de venda, atente-se ao interior da loja. Divida o espaço em três momentos:

Estrutura de uma Agropecuária

Área de exposição dos itens: Prateleiras de variados tamanhos, caixas e tubos para organização de itens maiores, expositores de paredes. Os artigos podem ocupar muito espaço, certifique-se que os corredores terão um bom espaço para circulação e que todos os consumidores consigam circular, procurar e selecionar os produtos sem dificuldade. Além disso, caso seja necessário, reserve um ambiente para testar equipamentos e também para a balança de pesagem, muito usada no segmento.

Balcão de Caixa: Tenha um balcão grande e que te ajude na organização de itens menores, como remédios e também produtos de valores mais baixos, que poderão se acrescentados na hora de fechar o pedido, como é o caso de sachês para gatos e cachorros.

Estoque: O coração da loja de produtos agropecuários e aviários é o seu estoque. Ele precisa comportar todos os itens, que muitas vezes nem estarão expostos no interior da loja. Além disso, por trabalhar com produtos perecíveis e sensíveis, como caso de ração e plantas, é preciso tomar cuidado para ter um espaço ventilado e que permita o armazenamento correto de todos os itens.

 

Equipe

Equipe da Loja Agropecuária

Montar uma boa equipe também ajudará no sucesso do seu empreendimento. Caso esteja apenas começando e opte por produtos menores em um espaço reduzido, você conseguirá administrar tudo por conta própria sem grandes problemas. Mas com o aumento do espaço e da demanda, certifique-se de contratar vendedores, caixas e profissionais para organização e manutenção do estoque.

Caso queira trabalhar com entrega de produtos, também será preciso um profissional específico para a função. É importante lembrar que, por se tratar de um segmento específico, o treinamento do time é fundamental. Apresentar a função de todos os produtos, as novidades dos fornecedores e passar isso para os consumidores é um diferencial.

 

Quanto custa para abrir uma agropecuária?

O investimento inicial de um negócio deve levar em conta o aluguel ou aquisição do imóvel, decoração, expositores, balcão, equipamentos e o estoque inicial. O investimento para abertura de uma agropecuária fica entre R$ 30.000,00 até R$ 100.000,00. O principal diferencial nos valores vai depender do tamanho da loja e da variedade de produtos comercializados.

O Sebrae calcula que os gastos ficam em torno de R$ 23.000,00 para compra de equipamentos e móveis. Confira a tabela:

Mobiliário – Loja e estoque
01 Balcão R$ 2.000,00 R$ 2.000,00
01 Balcão Caixa R$  400,00 R$ 400,00
01 Cadeira caixa alta R$  200,00 R$ 200,00
03 Gôndolas de centro expositores R$  1.400,00 R$ 4.200,00
05 Prateleiras R$ 1.300,00 R$ 6.500,00
01 Vitrine R$ 400,00 R$ 400,00
02 Prateleira para estoque R$ 1.300,00 R$ 2.600,00
02 Carro plataforma de carga – 300 kg R$ 370,00 R$ 740,00
02 Balança plataforma digital 150 Kg R$300,00 R$ 600,00
Mobiliário e Equipamento – Área Administrativa
01 Desktop / Notebook R$ 1.200,00 R$ 1.200,00
01 Impressora Multifuncional R$ 1.100,00 R$ 1.100,00
02 Mesas R$  300,00 R$ 600,00
06 Cadeiras para escritório R$  200,00 R$ 1.200,00
01 Arquivo madeira R$  460,00 R$ 460,00
02 Aparelhos telefônicos R$  100,00 R$ 200,00
Sistema de Vendas ———— R$ 300,00
TOTAL DE INVESTIMENTO R$ 22.700,00

Além desses valores, você deve adquirir um valor inicial, que pode ficar na casa de R$ 18.000,00. E também precisará de um valor inicial de caixa, que ajudará na manutenção de fornecedores e demais taxas, calcule pelo menos R$ 3.500,00 para essa reserva.

 

O que vender na Loja Agropecuária

A seleção de produtos iniciais para uma agropecuária pode envolver milhares de produtos, de segmentos e com funções diferentes. Nesta etapa, vale verificar com o que a sua concorrência já trabalha, quais itens os clientes sentem falta no mercado e, quem sabe, apostar em um nicho específico. Entre os itens mais comuns do segmento, estão:

  • Rações para animais
  • Acessórios para animais de estimação: caminhas, guias de passeio, casinhas, gaiolas
  • Produtos de banho, tosa e higiene em geral
  • Itens para animais de pastoreio
  • Ferramentas de trabalho para terra
  • Vestimenta e botas de trabalho
  • Sementes e mudas de plantas
  • Adubos e Defensivos agrícolas
  • Arames, folhas de zinco, cercas, etc

Para ter sempre os melhores itens a disposição, é importante selecionar os melhores fornecedores do segmento. Preste atenção nestes pontos: prazo de pagamento, variedade de produtos e marcas, preços, qualidade, tempo para entrega dos pedidos e, sempre que possível, peça referências.

 

Como divulgar meu negócio

Com a loja organizada, chegou a hora de começar a divulgação! As ações para criação de páginas em redes sociais e materiais de divulgação, podem iniciar junto com a montagem da loja. Desta forma, quando estiver tudo pronto para a inauguração, toda a divulgação estará em linha também.

Divulgação da AgropecuáriaAlém da presença nas principais redes sociais, você trabalhar com eventos específicos do seu setor. De feiras do segmento à ação junto com organização de proteção aos animais, toda divulgação é válida. Inclusive, conforme for o seu envolvimento nestes movimentos, a sua marca poderá ganhar cada vez mais credibilidade e atrair clientes. Não esqueça do poder das parcerias, cogite trabalhar com empresas parceiras, principalmente no início das operações.

Outro ponto legal para trabalhar a sua empresa, é nos aplicativos de entrega. Cadastre a sua loja nas categorias mais indicadas e amplie seu canal de venda com a entrega de ração, medicamentos e acessórios.

Gostou das dicas? Deixe nos comentários quais outros conteúdos você gostaria de ver por aqui. Sucesso no seu novo negócio!

Experimente grátis!

Conheça um sistema para gestão e vendas que facilitará o dia a dia do seu negócio. Preencha os seus dados no formulário abaixo e solicite um teste grátis.

Ops! A Hiper não atende o segmento selecionado. Mas não se preocupe, o grupo Linx tem soluções para seu segmento de negócio.Clique aqui e confira!
Carta